Dieta Mediterrânica

Classificada como Património Cultural Imaterial da Humanidade pela UNESCO, a Dieta Mediterrânica merece ser mais divulgada, compreendida e acarinhada pelos portugueses.

A Dieta Mediterrânica é um modo de comer e de viver, típico da região do Mediterrâneo, em que se utilizam os produtos frescos, locais e de cada estação. Tem no azeite a sua gordura principal e privilegia o consumo de mais vegetais e de menos proteína animal, mais peixe e menos carne vermelha, mais ervas aromáticas e menos sal. O convívio à volta da mesa é ainda um traço cultural essencial e distintivo.

Breve história da
Dieta Mediterrânica

01
6.000 A.C
Tudo começou na zona do Mediterrâneo

 

01
Séculos
XVI e XVII

Descobrimentos trazem novos alimentos, como o milho, a batata e o tomate
01
Século XX
Invenção dos frigoríficos e congeladores permite conservar melhor os alimentos e reduzir a utilização de sal

 

01
1950/60
Início dos estudos científicos que marcam uma nova fase de valorização e divulgação da Dieta Mediterrânica
01
2013
Dieta Mediterrânica considerada Património Cultural Imaterial da Humanidade pela UNESCO
01
Hoje
É reconhecida a necessidade de preservar a herança para alimentar o futuro

10 princípios
para aderir à Dieta Mediterrânica